sábado, 29 de fevereiro de 2020

Inter empata com o Avaí/Kindermann pelo Campeonato Brasileiro Feminino A1

Rafael Passos

As Gurias Coloradas não conseguiram superar a marcação catarinense (Foto: Rafael Passos/Rádio Galera)
No jogo válido pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro  A1, Internacional e Avaí/Kindermann empataram em 0 a 0 neste sábado (29), no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS). Com a igualdade, as Gurias Coloradas se mantém na quarta colocação  com oito pontos marcados (duas vitórias e dois empates). Já a equipe catarinense está na quinta posição com sete unidades.

O próximo compromisso das comandadas de Maurício Salgado é contra o Flamengo, no estádio Universitário da PUCRS, no dia 16 de março (segunda-feira), às 19h. O Avaí/Kindermann, por sua vez, volta a campo um dia antes diante do São José, às 15h, no estádio Martins Pereira, em São José dos Campos (SP).

Internacional 0 x 0 Avaí/Kindermann - Brasileirão Feminino A1

#BRFeminino2020 #BrasileirãoFeminino 
@BRFeminino
Internacional 0 x 0 Avaí/Kindermann
Ficha Técnica
Local: Estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS).
Arbitragem: Eleno Gonzalez Todeschini (RS), auxiliado por Tiago Augusto Kappes Diel (RS) e Max Augusto Guimarães Vioni (RS). Quarto árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro (RS).
Cartões amarelos: Mariana Pires (INT); Zóio, Adaílma, Jonas Estevão da Silva (técnico) e Felipe Augusto França (técnico de goleiras) (AK).

Internacional: Yasmim; Nana, Bruna Benites, Sorriso e Ari (Queila); Juliana, Djeni e Mariana Pires (Julia); Shasha, Belinha e Byanca Brasil. Técnico: Maurício Salgado.

Avaí/Kindermann: Bárbara; Bruna Calderan, Siméia, Tuani e Thaíni (Leticia); Zóio, Adailma, Sthephanie (Juliana), Júlia Bianchi, Leticia e Catyellen (Suzana). Técnico: Jonas Estevão da Silva. (o técnico Jorge Barcellos estava suspenso).

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

Inter vence o Deportes Tolima e está na fase de grupos da Libertadores

Rafael Passos

Guerrero marcou o gol da vitória do Inter contra o Tolima (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
A vitória por 1 a 0 classificou o Colorado para o Grupo E da Libertadores, que tem Grêmio, Universidad Católica e América de Cali

Nesta quarta-feira (26), o Internacional venceu o Deportes Tolima por 1 a 0, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, e avançou à fase de grupos da Copa Libertadores da América. Como o jogo de ida foi um empate sem gols em Ibagué, na Colômbia, a equipe gaúcha avançou à próxima fase pelo placar agregado de 1 a 0. O gol da classificação do Colorado foi marcado por Paolo Guerrero, nos acréscimos do primeiro tempo.

Aos 49 minutos do primeiro tempo, Marcos Guilherme tocou para D’Alessandro no lado direito da área, que driblou duas vezes o defensor Banguero e cruzou para o meio da pequena área, onde estava Paolo Guerrero, que se antecipou ao adversário e colocou para o fundo das redes. O peruano não marcava um gol desde o dia 26 de janeiro, há exatos um mês, no jogo contra o Pelotas pelo Gauchão

Agora, o Internacional avança à fase de grupos e está na chave E da Copa Libertadores da América, junto com Grêmio, Universidad Católica (CHI) e América de Cali (COL). A estreia está marcada para a próxima terça-feira (3/3), às 19h15min, contra a Universidad Católica, no Beira-Rio. Antes disso, porém, no sábado, a equipe alvirrubra viaja à serra gaúcha para enfrentar o Caxias às 19h, no Estádio Centenário, pela 1ª rodada da Taça Francisco Noveletto Neto, o 2º turno do Gauchão.

D’Alessandro e Guerrero comemoram o gol que deu a classificação ao Colorado (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
Internacional 1 x 0 Deportes Tolima
Ficha técnica:
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).
Arbitragem: Guillermo Guerrero (Equador), auxiliado por Christian Lescano (Equador) e Ricardo Barén (Equador). Quarto árbitro: Luis Quiroz (Equador). Assessor Internacional: Enrique Cáceres (Paraguai).
Gol: Paolo Guerrero, aos 49′ 1T.
Cartões amarelos: D’Alessandro, Marcos Guilherme e Rodinei (INT); Banguero e Quiñónes (DT).
Cartão vermelho: D’Alessandro (I).
Público: 32.342 pagantes (35.117 presentes)/Renda: R$ 1.452.590,00

Internacional: Marcelo Lomba; Rodinei (Moledo), Bruno Fuchs, Victor Cuesta e Uendel; Musto, Edenilson, Rodrigo Lindoso (Marcos Guilherme) e Boschilia (Johnny); D’Alessandro e Guerrero. Técnico: Eduardo Coudet.

Deportes Tolima: Montero; Castrillón, Moya, Quiñónes e Banguero; Robles, Ríos (Albornoz) e Gordillo; Estupiñán (Miranda), Campaz e Rodríguez (Jorge Ramos). Técnico: Hernán Torres.

terça-feira, 25 de fevereiro de 2020

Copa Libertadores da América 2020 - 3ª fase - Jogos de volta

Rafael Passos


G1
Quarta-feira, 26/2
Nueva Olla Azulgrana - Assunção (Paraguai) - 19h15
Cerro Porteño 0 x 4 Barcelona (Equador)
Enmanuel Martínez 34´ 1T
Fidel Martínez 21´ 2T
Damián Díaz 28´ 2T
Fidel Martínez 37´ 2T.
Placar agregado: Barcelona 5 x 0 Cerro Porteño

Foto: Norberto Duarte / AFP 
O Barcelona de Guayaquil está classificado para o Grupo A da Copa Libertadores da América. Na noite desta quarta-feira (26), os equatorianos golearam o Cerro Porteño por 4 a 0, na Nueva Olla Azulgrana, em Assunção (Paraguai). A equipe do Equador já tinha vencido o jogo de ida, em Guayaquil, por 1 a 0, e anotou 5 a 0 no placar agregado. Agora, o Barcelona integrará a chave ao lado de Flamengo, Independiente del Valle e Junior Barranquilla.

Os gols da partida foram marcados pelo argentino Leandro Martínez aos 34 minutos do primeiro tempo. Na etapa final, Fidel Martínez ampliou aos 21, Damian Díaz fez o terceiro, aos 28, e Fidel Martínez fechou a goleada com um belo gol de cobertura, aos 37. Com oito gols nos seis jogos na Libertadores, Fidel Martínez já chega à fase de grupos como artilheiro isolado da Libertadores. 

A estreia do Barcelona no grupo A será na próxima quarta-feira (4/3), em casa, no duelo equatoriano contra o Independiente del Valle. No dia 11, o adversário na segunda rodada será o Flamengo, no Maracanã.

O time equatoriano se tornou a primeira equipe da história da competição a garantir vaga na chave principal depois de passar por três fases eliminatórias.

Cerro Porteño 0 x 4 Barcelona (Equador)
Ficha Técnica
Arbitragem: Anderson Daronco (Brasil), auxiliado por Rodrigo Correa (Brasil) e Kléber Lúcio Gil (Brasil).
Gols: Enmanuel Martínez 34´ 1T, Fidel Martínez 21´ 2T, Damián Díaz 28´ 2T e Fidel Martínez 37´ 2T.
Cartões amarelos: Benítez, Amorebieta, Churín (CP); Marques, Alves, Castillo (BAR).
Cartão vermelho: Amorebieta (CP).

Cerro Porteño: Rodrigo Muñoz; Raúl Cáceres (Alberto Espínola), Juan Patiño, Fernando Amorebieta e Santiago Arzamendia; Ángel Cardozo, Víctor Cáceres, Federico Carrizo (Josué Colmán) e Jorge Benítez (Sergio Díaz); Óscar Ruiz e Diego Churín. Técnico: Francisco Arce.

Barcelona: Javier Burrai (Víctor Mendoza); Mario Pineida, Williams Riveros, Pedro Pablo Velasco e Anthony Bedoya; Bruno Piñatares, Fidel Martínez, Gabriel Marques, Emmanuel Martínez e Damián Díaz (Matías Oyola); Jonathan Alvez (Byron Castillo). Técnico: Fabián Bustos.

G2
Quinta-feira, 27/2
Nueva Olla Azulgrana - Assunção (Paraguai) - 19h15
Guaraní (Paraguai) 2 x 1 Palestino
Raúl Bobadilla 4' 2T (GUA)
Rodney Redes 38' 2T (GUA)
Leandro Benegas 45' 1T (PAL)
Jogo de ida: Guaraní 3 x 1 Palestino

Foto: Guaraní/Twitter/Divulgação
O Guaraní do Paraguai confirmou classificação para a fase de grupos da Copa Libertadores da América. Nesta quinta-feira (27), los Aurinegros venceram o Palestino, do Chile, por 2 a 1, na partida da volta da 2ª fase, disputada na Nueva Olla Azulgrana, em Assunção. Os paraguaios já haviam derrotados os chilenos na ida por 1 a 0.

Em desvantagem no placar agregado, o Palestino abriu o escore com Leandro Benegas abriu o placar aos 46 minutos do primeiro tempo. No entanto, na etapa final, Raúl Bobadilla igualou para os paraguaios logo aos quatro minutos e Rodney Redes virou aos 38.

O time paraguaio, que havia eliminado o Corinthians na segunda fase da Libertadores em São Paulo, entrou no Grupo B e, além do Palmeiras, vai enfrentar Bolívar, da Bolívia, e Tigre, da Argentina. A estreia do Guaraní será contra o time boliviano, em Assunção, na próxima quarta-feira (4/3).

Guaraní (Paraguai) 2 x 1 Palestino
Ficha Técnica
Local: Nueva Olla Azulgrana, em Assunção (Paraguai)
Arbitragem: Victor Carrillo (Peru), auxiliado por Jonny Bossio (Peru) e Michael Orue (Peru).
Gols: Raúl Bobadilla 4' 2T e Rodney Redes 38' 2T (GUA); Leandro Benegas 46' 1T (PAL).
Cartões amarelos: Ángel Benítez (GUA); Felipe, Benítez (PAL).
Cartão vermelho: Benítez (PAL).

Guaraní: Gaspar Servio; Iván Ramírez, Rolando García Guerreño, (Nicolás Maná), Jhohan Romaña, Javier Báez, Guillermo Benítez; Rodney Redes, Jorge Morel, Ángel Benítez, Édgar Benítez (José Florentín); Raúl Bobadilla, (Fernando Fernández). Técnico: Gustavo Costas.

Palestino: Guruceaga; Soto, Sergio Felipe, (Matías Campos López), Acevedo, Díaz; Farías, Cortés, (Bryan Carrasco); Tarifeño, Benítez, Luis Jiménez, (Sebastián Cabrera); Benegas. Técnico: Ivo Basay.

G3
Terça-feira, 18/2
Monumental José Fierro (San Miguel de Tucumán) - 21h30
Atlético Tucumán 1 (2) x (4) 0 Independiente Medellín
Leonardo Heredia 20´ 1T
Placar agregado: Independiente Medellín 1 x 1 Atlético Tucumán. Nos pênaltis, o Independiente Medellín venceu por 4 a 2.

Foto: Independiente Medellín/Twitter
Nos pênaltis, Independiente Medellín vence o Atl. Tucumán e avança para a fase de grupos da Libertadores

O Independiente Medellín é o primeiro time classificado para a fase de grupos da Libertadores via fases preliminares. Nesta terça-feira (25), a equipe colombiana venceu o Atlético Tucumán, nos pênaltis, após derrota por 1 a 0 no tempo regulamentar. O gol da vitória argentina foi marcado por Leonardo Heredia aos 20 minutos da primeira etapa. 

Como o time de Medellín havia vencido a partida de ida por 1 a 0, a decisão foi para os pênaltis e os visitantes venceram por 4 a 2.

Com a classificação, o Independiente Medellín integrará o Grupo H da Copa Libertadores da América. A chave também conta com Boca Juniors, Caracas (VEN) e Libertad (PAR).

Atlético Tucumán 1 (2) x (4) 0 Independiente Medellín 
Ficha Técnica
Arbitragem: Alexis Herrera (Venezuela), auxiliado por Luis Murillo (Venezuela) e Lubin Torrealba (Venezuela).
Gol: Leonardo Heredia 20´ 1T
Cartões amarelos: Yonathan Cabral, Marcelo Ortiz, Javier Toledo, Ramiro Carrera, Nicolás Aguirre (AT); Andrés Cadavid, Juan Fernando Caicedo, Didier Delgado e Yulián Gómez (DIM).

Atlético Tucumán: Cristian Lucchetti; Luciano Monzón, Yonathan Cabral, Guillermo Ortiz e Marcelo Ortiz; Ramiro Carrera (Nicolás Aguirre), Cristian Erbes, Guillermo Acosta e Leonardo Heredia (Leandro Díaz); Javier Toledo e Lucas Melano (Augusto Lotti). Técnico: Ricardo Zielinski.

Independiente Medellín: Andrés Mosquera; Didier Delgado, Jesús Murillo, Andrés Cadavid e Yulián Gómez; Larry Angulo e Adrián Arregui; Maicol Balanta (Javier Reina), Andrés Ricaurte e Edwin Mosquera (Leonardo Castro); Juan Fernando Caicedo (Yesid Díaz Montero). Técnico: Aldo Bobadilla.

G4
Quarta-feira, 19/2
Estádio Beira-Rio - Porto Alegre (Brasil) - 21h30
Internacional 1 x 0 Deportes Tolima
Paolo Guerrero 49′ 1T
Placar agregado: Internacional 1 x 0 Deportes Tolima 

Guerrero marcou o gol da vitória do Inter contra o Tolima (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
A vitória por 1 a 0 classificou o Colorado para o Grupo E da Libertadores, que tem Grêmio, Universidad Católica e América de Cali

Nesta quarta-feira (26), o Internacional venceu o Deportes Tolima por 1 a 0, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, e avançou à fase de grupos da Copa Libertadores da América. Como o jogo de ida foi um empate sem gols em Ibagué, na Colômbia, a equipe gaúcha avançou à próxima fase pelo placar agregado de 1 a 0. O gol da classificação do Colorado foi marcado por Paolo Guerrero, nos acréscimos do primeiro tempo.

Aos 49 minutos do primeiro tempo, Marcos Guilherme tocou para D’Alessandro no lado direito da área, que driblou duas vezes o defensor Banguero e cruzou para o meio da pequena área, onde estava Paolo Guerrero, que se antecipou ao adversário e colocou para o fundo das redes. O peruano não marcava um gol desde o dia 26 de janeiro, há exatos um mês, no jogo contra o Pelotas pelo Gauchão

Agora, o Internacional avança à fase de grupos e está na chave E da Copa Libertadores da América, junto com Grêmio, Universidad Católica (CHI) e América de Cali (COL). A estreia está marcada para a próxima terça-feira (3/3), às 19h15min, contra a Universidad Católica, no Beira-Rio. Antes disso, porém, no sábado, a equipe alvirrubra viaja à serra gaúcha para enfrentar o Caxias às 19h, no Estádio Centenário, pela 1ª rodada da Taça Francisco Noveletto Neto, o 2º turno do Gauchão.

D’Alessandro e Guerrero comemoram o gol que deu a classificação ao Colorado (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
Internacional 1 x 0 Deportes Tolima
Ficha Técnica
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).
Arbitragem: Guillermo Guerrero (Equador), auxiliado por Christian Lescano (Equador) e Ricardo Barén (Equador). Quarto árbitro: Luis Quiroz (Equador). Assessor Internacional: Enrique Cáceres (Paraguai).
Gol: Paolo Guerrero, aos 49′ 1T.
Cartões amarelos: D’Alessandro, Marcos Guilherme e Rodinei (INT); Banguero e Quiñónes (DT).
Cartão vermelho: D’Alessandro (I).
Público: 32.342 pagantes (35.117 presentes)/Renda: R$ 1.452.590,00

Internacional: Marcelo Lomba; Rodinei (Moledo), Bruno Fuchs, Victor Cuesta e Uendel; Musto, Edenilson, Rodrigo Lindoso (Marcos Guilherme) e Boschilia (Johnny); D’Alessandro e Guerrero. Técnico: Eduardo Coudet.

Deportes Tolima: Montero; Castrillón, Moya, Quiñónes e Banguero; Robles, Ríos (Albornoz) e Gordillo; Estupiñán (Miranda), Campaz e Rodríguez (Jorge Ramos). Técnico: Hernán Torres.

domingo, 23 de fevereiro de 2020

Campeonato Gaúcho 2020 - Taça Cel. Ewaldo Poeta - 1° turno - Final

Rafael Passos


Sábado, 22/2
Estádio Centenário, em Caxias do Sul  - 16h30
Caxias 1 x 0 Grêmio
Diogo Oliveira 34′ 2T

Caxias está classificado para a final do Gauchão (Foto: Vitor Soccol/Dinâmia Conteúdo)
Caxias 1 x 0 Grêmio
Ficha Técnica
Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS).
Arbitragem: Leandro Pedro Vuaden, auxiliado por Jorge Eduardo Bernardi e Luiza Naujorks Reis. 4º árbitro: Vinícius Gomes do Amaral. 5º árbitro: Michael Stanislau. VAR: Igor Junio Benevenuto (CBF – MG), AVAR 1: Eduardo Valadão (CBF – GO) e AVAR 2: Edson Antônio (CBF – GO). Delegado: Marcos Roberto Caduri de Almeida.
Gol: Diogo Oliveira 34′ 2T
Cartões amarelos: Gilmar, Juliano, Bruno Ré, Carlos Alberto (CAX); Lucas Silva, Paulo Miranda, David Braz (GRE).
Público: 9.211/Renda Bruta: 448.720,00

Caxias: Marcelo Pitol; Ivan, Laercio, Thiago Salles e Bruno Ré; Juliano, Carlos Alberto, Tilica, Diogo Oliveira (Vinícius Baiano) e Juninho Potiguar (Bruninho); Gilmar (Yuri). Técnico: Radael Lacerda.

Grêmio: Vanderlei; Victor Ferraz, Paulo Miranda, David Braz e Cortez (Caio Henrique); Lucas Silva (Thiago Neves), Alisson, Maicon (Luciano), Matheus Henrique e Everton; Diego Souza. Técnico: Renato Portaluppi.

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Inter empata sem gols com o Tolima e decide a vaga no Beira-Rio

Rafael Passos

No jogo de volta, o Inter joga por vitória para avançar à fase de grupos da Libertadores (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
Na noite desta quarta-feira (19), o Internacional ficou no 0 a 0 com o Deportes Tolima na primeira partida da terceira fase da Libertadores, no Estádio Manuel Murillo Toro, em Ibagué, na Colômbia.

O duelo que vale vaga no Grupo E da Copa Libertadores da América será na próxima quarta-feira (26), às 21h30min, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. A chave E da principal competição da América do Sul já tem Grêmio, Universidad Católica (CHI) e América de Cali (COL). O vencedor leva a classificação, enquanto empate com gols classifica os colombianos. Novo 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis.

O Tolima volta a campo no próximo sábado (22), às 21h30min (horário de Brasília), contra o Junior Barranquilla pela 6ª rodada do Campeonato Colombiano.

Deportes Tolima 0 x 0 Internacional
Ficha Técnica
Local: Estádio Manuel Murillo Toro, em Ibagué (Colômbia).
Arbitragem: Roberto Tobar (Chile), auxiliado por Alejandro Molina (Chile) e Claudio Urrutia (Chile). Quarto árbitro: Cristian Garay (Chile).
Cartões amarelos: Gordillo (DT); Victor Cuesta e Bruno Fuchs (INT).
Público: 21.960 torcedores

Deportes Tolima: Álvaro Montero; Nilson Castrillón, José Moya, Julián Quiñónez e Danovis Banguero; Yeison Gordillo, Carlos Robles, Jaminton Campaz, Omar Albornoz (Cataño) e Andrey Estupiñán (Luís Miranda); Francisco Rodríguez (Rojas). Técnico: Hernán Torres.

Internacional: Marcelo Lomba; Rodinei, Bruno Fuchs, Victor Cuesta e Moisés; Musto; Edenilson, Rodrigo Lindoso e Boschilia; Marcos Guilherme (D’Alessandro) e Guerrero. Técnico: Eduardo Coudet.

terça-feira, 18 de fevereiro de 2020

Copa Libertadores da América 2020 - 3ª fase - Jogos de ida

Rafael Passos


G1
Quarta-feira, 19/2
Estádio Monumental Banco Pichincha (Isidro Romero Carbo) - Quayaquil (Equador) - 21h30
Barcelona 1 x 0 Cerro Porteño
Fidel Martínez 25' 1T

Foto: Rodrigo Buendia/AFP
Barcelona 1 x 0 Cerro Porteño
Ficha Técnica
Local: Estádio Monumental Banco Pichincha (Isidro Romero Carbo) - Quayaquil (Equador)
Arbitragem: Gustavo Tejera (Uruguai), auxiliado por Carlos Barreiro (Uruguai) e Martín Soppi (Uruguai).
Gol: Fidel Martínez 25' 1T
Cartões amarelos: Piñatares, Dario Aimar, Pineida, Diaz (BAR); Ruiz, Saiz, Benítez, Arzamendia, Victor Cáceres (CP).

Barcelona: Javier Burrai; Pedro Velasco, Dario Aimar, Williams Riveros e Mario Pineida; Gabriel Marques, Bruno Piñatares, Damián Diaz, Emmanuel Martínez (Byron Castillo) e Fidel Martínez (José Stalin Caicedo); Jonatan Álvez (Angel Quiñonez). Técnico: Fabián Daniel Bustos.

Cerro Porteño: Rodrigo Muñoz; Raúl Cáceres, Marcos Cáceres (Fernando Amorebieta, depois Juan Saiz), Juan Patiño, Santiago Arzamendia Duarte, Angel Cardozo Lucena, Víctor Cáceres, Mathias Villasanti, Federico Carrizo, Nelson Haedo Valdéz (Jorge Benítez), Oscar Ruiz. Técnico: Francisco Arce.

G2
Quinta-feira, 20/2
San Carlos de Apoquindo - Santiago - (Chile) - 19h15
Palestino 0 x 1 Guaraní-PAR
Rodney Redes 46´ 1T

Foto: Club Guaraní/Twitter
Palestino 0 x 1 Guaraní-PAR
Ficha Técnica
Local: San Carlos de Apoquindo, em Santiago (Chile)
Arbitragem: Facundo Tello (Argentina), auxiliado por Ezequiel Brailovsky (Argentina) e Diego Bonfa (Argentina).
Gol: Rodney Redes 46´ 1T
Cartões amarelos: Fernández, Benegas, Farias (PAL); Barrientos, Guillermo Benítez (GUA).
Cartão vermelho: Barrientos (GUA)

Palestino: Gastón Guruceaga; Guillermo Soto, Lucas Aceved, Sergio Felipe, Vicente Fernández (Renato Tarifeño); Agustín Farías, Jorge Araya (Matías Campos), César Cortés, Bryan Carrasco (Fabián Ahumada); Jonathan Benítez e Leandro Benegas. Técnico: Ivo Basay.

Guaraní: Gaspar Servio; Javier Báez, Rolando García, Hernán Lopes, Iván Ramírez; Guillermo Benítez, Ángel Benítez, Fernando Barrientos,Jorge Morel (José Florentín); Rodney Redes (Miguel Benítez) e Fernando Fernández (Raúl Bobadilla).Técnico: Gustavo Costas.

G3
Terça-feira, 18/2
Atanasio Girardot - Medellín (Colômbia) - 21h30
Independiente Medellín 1 x 0 Atlético Tucumán
Andrés Ricaurte 16' 1T

Foto: Independiente Medellín/Twitter
Independiente Medellín 1 x 0 Atlético Tucumán
Ficha Técnica
Local: Estádio Atanasio Girardot, em Medellín (Colômbia).
Arbitragem: Bruno Arleu (Brasil), auxiliado por Marcelo Van Gasse (Brasil) e Fabrício Vilarinho (Brasil).
Gol: Andrés Ricaurte 16' 1T
Cartões amarelos: Jesús Murillo (DIM); Dylan Gissi, Cristian Erbes, Ariel Rojas (AT).

Independiente Medellín: Andrés Mosquera; Didier Delgado, Jesús Murillo, Andrés Cadavid e Yulián Gómez; Larry Angulo (Edwin Mosquera), Adrián Arregui, Javier Reina (Yesid Díaz), Andrés Ricaurte e Maicol Balanta (Leonardo Castro); Juan Fernando Caicedo. Técnico: Aldo Antonio Bobadilla.

Atlético Tucumán: Cristian Lucchetti; Marcelo Ortiz, Dylan Gissi, Guillermo Ortíz e Gustavo Toledo; Cristian Erbes, Ariel Rojas (Nicolás Aguirre), Guillermo Acosta, Ramiro Carrera (Leandro Díaz); Javier Toledo (Leonardo Heredia) e Lucas Melano. Técnico: Ricardo Alberto Zielinski.

G4
Quarta-feira, 19/2
Manuel Murillo Toro - Ibagué (Colômbia) - 21h30
Deportes Tolima 0 x 0 Internacional

No jogo de volta, o Inter joga por vitória para avançar à fase de grupos da Libertadores (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
Deportes Tolima 0 x 0 Internacional
Ficha Técnica
Local: Estádio Manuel Murillo Toro, em Ibagué (Colômbia).
Arbitragem: Roberto Tobar (Chile), auxiliado por Alejandro Molina (Chile) e Claudio Urrutia (Chile). Quarto árbitro: Cristian Garay (Chile).
Cartões amarelos: Gordillo (DT); Victor Cuesta e Bruno Fuchs (INT).
Público: 21.960 torcedores

Deportes Tolima: Álvaro Montero; Nilson Castrillón, José Moya, Julián Quiñónez e Danovis Banguero; Yeison Gordillo, Carlos Robles, Jaminton Campaz, Omar Albornoz (Cataño) e Andrey Estupiñán (Luís Miranda); Francisco Rodríguez (Rojas). Técnico: Hernán Torres.

Internacional: Marcelo Lomba; Rodinei, Bruno Fuchs, Victor Cuesta e Moisés; Musto; Edenilson, Rodrigo Lindoso e Boschilia; Marcos Guilherme (D’Alessandro) e Guerrero. Técnico: Eduardo Coudet.

domingo, 16 de fevereiro de 2020

Gurias Coloradas atropelam a Ponte Preta e sobem na classificação do Brasileirão Feminino

Rafael Passos
Inter goleou a Ponte Preta por 6 a 1 no Moisés Lucarelli (Foto: Mariana Capra/Internacional)
Jheniffer (2), Queila (2), Leidi e Ju anotaram os gols colorados na goleada em Campinas

Neste domingo (16/2), as Gurias Coloradas golearam a Ponte Preta por 6 a 1 pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro A1, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP). Os gols colorados foram marcados Jheniffer (2), Queila (2), Leidi e Ju, enquanto Dandara descontou, de pênalti, para a equipe campineira.

Com a goleada, as Alvirrubras sobem da sexta para a vice-liderança do certame com sete pontos conquistados em nove disputados. A Ponte Preta, por sua vez, ainda não somou pontos e é a lanterna da competição, levou 14 gols e marcou apenas um.

Na terceira rodada, as Gurias Coloradas voltam a campo no dia 29 de fevereiro (sábado) contra o Avaí/Kindermann, às 17h, no Estádio Universitário da PUCRS. O Alvinegro enfrentará a Ferroviária na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, no mesmo dia e horário.

Inter subiu para a segunda colocação do Brasileirão Feminino A1 (Foto: Mariana Capra/Internacional)
Ponte Preta 1 x 6 Internacional
Ficha Técnica
Local: Estádio Moisés Lucarelli - Campinas (SP).
Arbitragem: Jose Claudio Rocha Filho (SP), auxiliado por Patricia Carla de Oliveira (SP) e Liliane Aparecida Galindo (SP).
Gols: Dandara 18´ 2T (PP); Leidi 13’ 1T, Jheniffer 18’ 1T, Queila 19’ 1T, Ju 21’ 2T, Jheniffer 35’ 2T, Queila 36’ 2T (INT)

Ponte Preta: Gabi; Camila, Gi Maia e Leticia (Suzane); Cláudia, Rachel (Brith), Cic e Bruna (Naiane); Lili, Dandara e Carol. Técnico: Fabio Akio Fukumoto.

Internacional: Kemelli; Leidi, Gabi Luizelli, Ari e Belinha; Juliana, Djeni (Nana) e Mariana Pires (Julia); Shasha (Luana Spindler), Queila e Jheniffer. Técnico: Maurício Salgado.

Caxias vence Ypiranga no final e encara o Grêmio na final do primeiro turno do Gauchão

Rafael Passos
Caxias venceu o Ypiranga e está na finali do primeiro turno do Gauchão (Foto: Luiz Erbes/S.E.R. Caxias)
Da Silva marcou aos 46 minutos do segundo tempo, de cabeça, e classificou o time caxiense para a final contra o Grêmio.

O Caxias é o segundo finalista do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. Na tarde deste domingo (16), no estádio Centenário, em Caxias do Sul, o Caxias bateu o Ypiranga por 1 a 0 e garantiu uma vaga na final da pela Taça Coronel Ewaldo Poeta. Da Silva marcou aos 46 minutos do segundo tempo, de cabeça, e classificou o time caxiense para a final contra o Grêmio. 

A disputa do título será no Centenário, em Caxias do Sul, no próximo sábado (22), às 16h30min. O campeão do primeiro turno garante presença na finalíssima do Gauchão, contra o campeão do segundo turno (Taça Francisco Noveletto Neto). O Ypiranga, por sua vez, volta a campo às 18h do dia 1° de março na abertura do segundo turno contra o São José no Estádio Francisco Noveletto Neto, o Passo D´Areia.

Quando tudo se encaminhava para a disputa dos tiros lives da marca penal, o centroavante Da Silva, assim como fez o gremista no Beira-Rio, marcou de cabeça e classificou o Grená do Povo à final. Aos 46 minutos do segundo tempo, Ivan bateu escanteio pelo lado esquerdo e encontrou a cabeça do centroavante, que está emprestado pelo Grêmio, pulou mais alto do que Cristiano e garantiu o Caxias na final: 1 a 0. Esse foi o primeiro gol do carioca de 20 anos como jogador profissional.

Caxias 1 x 0 Ypiranga
Ficha Técnica
Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS).
Arbitragem: Lucas Guimarães Rechatiko Horn, auxiliado por Maurício Coelho Silva Penna e André da Silva Bitencourt. Quarto árbitro: Éder Davi Zanella,
Gol: Da Silva 46´ 2T
Cartões amarelos: Ivan, Da Silva (CAX); Schwarzer, Ávila. Deivity (YPI).

Caxias: Marcelo Pitol; Ivan, Laercio, Thiago Sales e Bruno Ré; Juliano, Carlos Alberto (Yuri); Vinícius Baiano (Tilica), Diogo Oliveira e Juninho Potiguar; Gilmar (Da Silva). Técnico: Rafael Lacerda.

Ypiranga:  Deivity; Muriel, Saimon, Léo Kanu e Ávila; Schwarzer (Tárik), Clayton, Zotti (Anderson Feijão); Jean Silva, Leilson e Neto Pessoa (Cristiano). Técnico: Paulo Henrique Marques.

Grêmio conhece sua primeira derrota no Brasileirão Feminino

Rafael Passos

Grêmio não conseguiu suportar a pressão e perdeu para o Avaí/Kindermann
(Foto: Andrielli Zambonin / Avaí Kindermann)
A goleira gremista Raíssa defendeu um pênalti, mas o Avaí/Kindermann venceu Grêmio em Caçador

Em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro A1, o Avaí/Kindermann o Grêmio por 1 a 0, no estádio Carlos Alberto Costa Neves, em Caçador (SC), na tarde deste domingo (16). O único gol da partida foi marcado por Julia Bianchi aos 33 minutos do segundo tempo.

Momentaneamente, o Grêmio ocupa a quinta colocação do Brasileirão Feminino, com seis pontos em três jogos. Porém, a equipe gaúcha pode perder posições para Inter e Corinthians que ainda entram em campo no complemento da 3ª rodada. Já o Avaí/Kindermann soma os mesmos seis pontos e pelos critérios de desempate é o vice-líder.

O próximo desafio das Gurias Gremistas é no dia 1°/3 contra o Santos, no estádio Francisco Noveletto Neto (Passo D’Areia), às 14h. No dia anterior, o Avaí/Kindermann visita o Internacional, às 17h, no estádio Universitário da PUCRS, em Porto Alegre.

Na primeira etapa, Julia Bianchi, aos 20 minutos, mandou a bola no travessão. Aos 26, Bruna Calderan foi derrubada na área e o árbitro Edson da Silva marcou pênalti, que ela mesma cobrou e a goleira gremista Raíssa defendeu no canto direito, espalmando a bola pela linha de fundo.

No segundo tempo, o Avaí/Kindermann seguiu na pressão em busca gol, mas a goleira Raíssa não deixava a bola entrar. As  Gurias Gremistas, por outro lado, se defendiam e procuravam encaixar o contragolpe. Aos 25 minutos, o Grêmio chegou com Marta, que bateu para o gol e mandou a bola para fora.

A insistência catarinense foi premiada aos 33 minutos. Julia Bianchi recebeu de Bruna Calderan, dominou no peito e bateu para o fundo das redes, sem chances para a arqueira tricolor.

Avaí/Kindermann 1 x 0 Grêmio
Ficha Técnica
Local: Estádio Carlos Alberto Costa Neves, em Caçador (SC)
Arbitragem: Edson da Silva (SC), auxiliado por Helton Nunes (SC) e Jennifer Cassiane Soares (SC). 4° árbitro: ​Gustavo Bauermann.
Gol: Julia Bianchi 33´ 2T
Cartões amarelos: Zóio, Tuani, Thaíni (AKI); Mariza, Kika, Andressa (GRÊ)
Cartão vermelho: Jorge Barcellos (técnico) (AKI)

Avaí/Kindermann: Bárbara; Karina, Siméia, Tuani e Thaíni (Letícia Albuquerque); Zóio, Stephanie (Camila), Júlia Bianchi, Bruna Calderan, Duda e Catyellen (Juliana Santos). Técnico: Jorge Barcellos.

Grêmio: Raissa; Isa, Andressa, Ana Alice e Rebeca (Gisseli); Kika, Pri Back e Mariza e Jane Tavares (Eudimilla); Marta e Juliana Oliveira (Sinara). Técnica: Patrícia Gusmão.

sábado, 15 de fevereiro de 2020

Grêmio marca nos acréscimos, vence o Grenal 423 e vai à final do 1° turno do Gauchão



Diego Souza subiu mais alto que os marcadores e fez o gol de cabeça (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)
O Grêmio é o primeiro finalista da Taça Coronel Ewaldo Poeta (o primeiro turno do Gauchão). Nesta sábado (15), o Tricolor venceu Internacional por 1 a 0 no Beira-Rio, em Porto Alegre, no jogo único da semifinal. Diego Souza, de cabeça, aos 46 minutos do segundo tempo, marcou o único gol do Grenal 423. Agora, o time treinado por Renato Portaluppi espera o vencedor de Caxias e Ypiranga que se enfrentam neste domingo, às 16h, no Centenário, em Caxias do Sul.

Classificado para a decisão do primeiro turno do Estadual, o Grêmio terá a semana cheia para se preparar para o duelo contra  Caxias ou Ypiranga. A final da Taça Coronel Ewaldo Poeta será disputada no próximo fim de semana, em data a ser confirmada pela Federação Gaúcha de Futebol. O campeão do primeiro turno garante presença na finalíssima do Gauchão, contra o campeão do segundo turno (Taça Francisco Noveletto Netto).

Já o Inter focar na 3ª fase da Copa Libertadores. Na próxima quarta-feira (19), o Colorado encara o Tolima, às 21h30 (de Brasília) na Colômbia, pelo jogo de ida da terceira fase. Pela competição continental, o Tricolor estreia  apenas no dia 3 de março, contra o América de Cali, na Colômbia.

Aos 46 minutos do primeiro tempo, o volante colorado Damián Musto recebeu o cartão vermelho, quando segurou pela camisa Diego Souza que saia em disparada. O volante já tinha recebido antes o cartão amarelo aos 31, portanto, foi expulso

 Inter foi superado pelo Grêmio e agora foca na Libertadores (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
Internacional 0 x 1 Grêmio
Ficha Técnica
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS). 
Arbitragem: Jean Pierre Gonçalves Lima, auxiliado por Lúcio Beiersdorf Flor e Leirson Peng Martins. 4º árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro. VAR: Carlos Nunes Braga (VAR), Graziani Rocha (AVAR 1) e Diogo Silva (AVAR 2) (todos do Rio de Janeiro).
Gol: Diego Souza 46´ 2T
Cartões amarelos: Musto, Guerrero e Ariel Broggi (auxiliar-técnico) (INT); Maicon, Diego Souza, Lucas Silva e Matheus Henrique (GRÊ).
Cartão vermelho: Musto (INT).
Público: 37.157 pagantes (33.347 presentes)/Renda: R$ 1.369.495,00.

Internacional: Marcelo Lomba; Rodinei (Thiago Galhardo), Bruno Fuchs, Victor Cuesta e Moisés; Musto; Edenilson, Rodrigo Lindoso (Zé Gabriel) e Boschilia (Marcos Guilherme); D'Alessandro e Guerrero. Técnico: Eduardo Coudet.

Grêmio: Vanderlei; Victor Ferraz, Paulo Miranda, David Braz e Cortez (Caio Henrique); Lucas Silva (Pepê), Maicon (Thiago Neves) e Matheus Henrique; Everton, Alisson e Diego Souza. Técnico: Renato Portaluppi.

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2020

Campeonato Brasileiro Feminino A1 - 3ª rodada

Rafael Passos


Domingo, 16/2
Giulite Coutinho - Mesquita (RJ) - 14h
Flamengo 1 x 3 São Paulo
Renata Diniz 10' 1T (FLA)
Glaucia 5' 1T (SPFC)
Jaqueline 18' 1T (SPFC)
Jaqueline 17' 2T (SPFC)

Foto: Nilton Brito/NB Photopress
Pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro Feminino A1, o São Paulo venceu o Flamengo por 3 a 1 no Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ). Os são-paulinos foram marcados por Jaqueline, duas vezes, e Glaucia. Renata Diniz descontou para a equipe rubro-negra.

Com a vitória, o São Paulo chegou a quatro pontos, ocupando momentaneamente o sétimo lugar na competição. Já o Flamengo perdeu dois de três jogos disputados e soma três pontos.

Na próxima rodada, o São Paulo tem pela frente o clássico contra o Corinthians no sábado (22), às 17h, no estádio Marcelo Portugal Gouvêia, em Cotia (SP). O Flamengo, por sua vez, enfrenta o Minas Icesp no dia seguinte, às 15h, no Bezerrão. no Gama (DF).

Arbitragem: Rejane Caetano da Silva (FIFA-RJ), auxiliada por Andrea Izaura Maffra Marcelino de Sá (RJ) e Rachel de Mattos Bento (RJ).   
Cartões amarelos: Bruna, Ana Cris, Yaya (SPFC)

Flamengo: Kaká; Raquel, Renata Diniz, Karen e Débora Sorriso; Bruna Rosa (Baiana), Ana Carla e Flávia (Aryane); Camila, Rafa Barros (Samhia) e Annaysa. Técnico: Ricardo Costa Abrantes.

São Paulo: Carla; Bruna (Roberta), Gislaine, Thaís e Giovana (Carol); Ana Cris, Yaya, Dani; Duda, Jaqueline e Glaucia (Giovaninha). Técnico: Lucas Piccinato.

Domingo, 16/2
Manoel Barradas (Barradão) - Salvador (BA) - 15h
Vitória 0 x 1 Minas Icesp
Luiza Farinon 46' 1T                                                             

Foto: Jhony Pinho/AGIF/Folhapress
Em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro Feminino A1, o Minas Icesp conquistou o seu primeiro triunfo. Na tarde deste domingo (16), no Barradão, em Salvador, a equipe do Distrito Federal superou o Vitória por 1 a 0. O gol do time brasiliense foi marcado por Luíza Farinon, aos 46 minutos do primeiro tempo.

Com os primeiros três pontos conquistados, o Minas Icesp subiu para a 11ª colocação. O Vitória, por sua vez, sofreu a sua terceira derrota competição. As Rubro-Negras perderam por 7 a 0 para o Avaí/Kindermann, na estreia, e por 4 a 0 para o Palmeiras na segunda rodada. Com isso, o rubro-negro é o vice-lanterna do campeonato. Na quarta rodada, o Minas Icesp recebe o Flamengo, no domingo (1°/3), às 15h, no Bezerrão, no Gama (DF). Já as Leoas voltam a campo no mesmo dia e horário contra o São José (SP), no estádio Martins Pereira, em São José dos Campos.

Arbitragem: Edvalter Marinho dos Santos (BA), auxiliado por Danila Borges Martins (BA) e Carlos Eduardo Bregalda Gusseno (BA).
Cartões amarelos: Aninha, Laisa, Cidiele (VIT)

Vitória: Yanne; Lorrane, Débora, Leslen e Rhaee; Aninha, Laisa Eduarda, Iana (Alessandra Bispo), Jucinayra (Larissa), Taissa (Cidiele), Emelli. Técnico: Lucas Grillo.

Minas Icesp: Nágila; Suzana, Lia (Luyara), Andiara e Jéssica (Marcella Hulk); Bia (Gabizinha), Bárbara, Katrine; Robinha, Pelé e Luiza Farinon. Técnico: Singo Santos.

Domingo, 16/2
Carlos Alberto Costa Neves - Caçador (SC) - 15h
Avaí/Kindermann 1 x 0 Grêmio
Julia Bianchi 33´ 2T

Grêmio não conseguiu suportar a pressão e perdeu para o Avaí/Kindermann
(Foto: Andrielli Zambonin / Avaí Kindermann)
Em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro A1, o Avaí/Kindermann o Grêmio por 1 a 0, no estádio Carlos Alberto Costa Neves, em Caçador (SC), na tarde deste domingo (16). O único gol da partida foi marcado por Julia Bianchi aos 33 minutos do segundo tempo.

Momentaneamente, o Grêmio ocupa a quinta colocação do Brasileirão Feminino, com seis pontos em três jogos. Porém, a equipe gaúcha pode perder posições para Inter e Corinthians que ainda entram em campo no complemento da 3ª rodada. Já o Avaí/Kindermann soma os mesmos seis pontos e pelos critérios de desempate é o vice-líder.

O próximo desafio das Gurias Gremistas é no dia 1°/3 contra o Santos, no estádio Francisco Noveletto Neto (Passo D’Areia), às 14h. No dia anterior, o Avaí/Kindermann visita o Internacional, às 17h, no estádio Universitário da PUCRS, em Porto Alegre.

Avaí/Kindermann 1 x 0 Grêmio
Ficha Técnica
Local: Estádio Carlos Alberto Costa Neves, em Caçador (SC)
Arbitragem: Edson da Silva (SC), auxiliado por Helton Nunes (SC) e Jennifer Cassiane Soares (SC). 4° árbitro: ​Gustavo Bauermann.
Gol: Julia Bianchi 33´ 2T
Cartões amarelos: Zóio, Tuani, Thaíni (AKI); Mariza, Kika, Andressa (GRÊ)
Cartão vermelho: Jorge Barcellos (técnico) (AKI)

Avaí/Kindermann: Bárbara; Karina, Siméia, Tuani e Thaíni (Letícia Albuquerque); Zóio, Stephanie (Camila), Júlia Bianchi, Bruna Calderan, Duda e Catyellen (Juliana Santos). Técnico: Jorge Barcellos.

Grêmio: Raissa; Isa, Andressa, Ana Alice e Rebeca (Gisseli); Kika, Pri Back e Mariza e Jane Tavares (Eudimilla); Marta e Juliana Oliveira (Sinara). Técnica: Patrícia Gusmão.

Domingo, 16/2
Nelo Bracalente - Vinhedo (SP) - 15h
Palmeiras 1 x 4 Ferroviária
Carla Nunes 19' 1T (PAL)
Sâmia 12' 1T (FER)
Patrícia Sochor 16' 1T (FER)
Patrícia Sochor 33' 1T (FER)
Maglia 15' 2T (FER)

Foto: Jonatan Dutra/Ferroviária SA
As Guerreiras Grenás seguem com 100% de aproveitamento no Campeonato Brasileiro Feminino A1. Neste domingo (16), a Ferroviária venceu o Palmeiras por 4 a 1 no estádio Nelo Bracalente, em Vinhedo, interior de São Paulo, em jogo válido pela 3ª rodada do Brasileirão. Os gols da Ferrinha foram marcados por Patrícia Sochor (2), Sâmia e Maglia. Carla Nunes descontou para as donas da casa.  

O atual campeão brasileiro lidera a competição, com nove pontos, em três jogos, porém, pode ser ultrapassado por Santos ou Cruzeiro que se enfrentam nesta segunda-feira (17) ou Corinthians que encara o Audax. Já o Palmeiras soma apenas três pontos e ocupa a 10ª posição.

No sábado (29), na Arena da Fonte Luminosa, as Guerreiras Grenás recebem a Ponte Preta, às 17h. No mesmo dia e horário, as alviverdes enfrentam o Cruzeiro no Estádio das Alterosas, em Belo Horizonte.

Arbitragem: Fernanda S. Ignacio de Souza (SP), auxiliada por Veridiana Contiliani Bisco (SP) e Leandra Aires Cossette (SP).
Cartões amarelos: Maglia, Barrinha e Géssica (FER).

Palmeiras: Vivi, Isabella, Agustina, Thaís, Nicoly (Karla Alves), Vitória (Stella), Angelina, Ary, Ottilia (Lurdinha), Carla Nunes e Bianca. Técnico: Ricardo Belli.

Ferroviária: Luciana; Monaliza, Luana, Géssica e Barrinha; Maglia (Carol Tavares), Rafa Andrade, Aline Milene (Nenê) e Sâmia (Rafa Mineira); Chu e Patrícia Sochor. Técnica: Tatiele Silveira.

Domingo, 16/2
Estádio Ismael Benigno (Colina) - Manaus (AM) - 17h
Iranduba 1 x 3 São José (SP)
Bruna Amarante (contra) 8' 2T (IRA)
Fernanda Tipa 24' 1T (SJ)
Mylena Carioca 34' 1T (SJ)
Mylena Carioca 45' 2T (SJ)

Foto: Patrick Vieira/Divulgação
O São José conquistou neste domingo (16), no estádio da Colina, em Manaus, sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro Feminino A1. Após perder por 2 a 0 para o Internacional e 3 a 0 para o Cruzeiro, a equipe de São José dos Campos venceu o Iranduba por 3 a 1. Os gols das Meninas da Águia foram marcados por Mylena Carioca (2) e Fernanda Tipa. Bruna Amarante marcou contra o Hulk.

Com a vitória, o São José chega a três pontos na tabela de classificação e ocupa a 13ª posição na tabela. Porém, por conta do saldo de gols (-3) está na zona do rebaixamento. O Iranduba, também com três pontos, é o 9º colocado por ter saldo melhor (0 gols). 

Na quarta rodada, São José e Iranduba voltam a campo no domingo (1° de março). As paulistas recebem em casa o Vitória, às 15h, e as amazonenses encaram o Audax, em Osasco, no mesmo horário.

Arbitragem: Antonio Carlos Pequeno Frutuoso (MA), auxiliado por Anne Kesy Gomes de Sá (AM) e Dimmi Yuri das Chagas Cardoso (MA).
Cartões amarelos: Jaqueline, Tamires (IRA); Raquel Beatriz, Mylena Pedroso, Zany (SJ).

Iranduba: Camila; Thalita, Tamires, Flávia e Nathy; Jaque, Taiana (Carol) e Maria Vitória; Júlia Beatriz (Andressa Lodi), Marília e Érica (Fabíola). Técnico: João Carlos Cavalo.

São José: Zany; Raquel Beatriz (Mylena Pedroso), Bruna Amarante, Rafa Soares e Mari Machado; Rafa Marques (Ariel), Thaynara (Fabi Ramos), Juju, Duda; Mylena Carioca e Fernanda Tipa. Técnico: Adilson Galdino.

Domingo, 16/2
Moisés Lucarelli - Campinas (SP) - 20h
Ponte Preta 1 x 6 Internacional
Dandara 18´ 2T (PP)
Leidi 13’ 1T (INT)
Jheniffer 18’ 1T (INT)
Queila 19’ 1T (INT)
Ju 21’ 2T (INT)
Jheniffer 35’ 2T (INT)
Queila 36’ 2T (INT)

Inter goleou a Ponte Preta por 6 a 1 no Moisés Lucarelli (Foto: Mariana Capra/Internacional)
Neste domingo (16/2), as Gurias Coloradas golearam a Ponte Preta por 6 a 1 pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro A1, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP). Os gols colorados foram marcados Jheniffer (2), Queila (2), Leidi e Ju, enquanto Dandara descontou, de pênalti, para a equipe campineira.

Com a goleada, as Alvirrubras sobem da sexta para a vice-liderança do certame com sete pontos conquistados em nove disputados. A Ponte Preta, por sua vez, ainda não somou pontos e é a lanterna da competição, levou 14 gols e marcou apenas um.

Na terceira rodada, as Gurias Coloradas voltam a campo no dia 29 de fevereiro (sábado) contra o Avaí/Kindermann, às 17h, no Estádio Universitário da PUCRS. O Alvinegro enfrentará a Ferroviária na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara, no mesmo dia e horário.

Ponte Preta 1 x 6 Internacional
Ficha Técnica
Local: Estádio Moisés Lucarelli - Campinas (SP).
Arbitragem: Jose Claudio Rocha Filho (SP), auxiliado por Patricia Carla de Oliveira (SP) e Liliane Aparecida Galindo (SP).
Gols: Dandara 18´ 2T (PP); Leidi 13’ 1T, Jheniffer 18’ 1T, Queila 19’ 1T, Ju 21’ 2T, Jheniffer 35’ 2T, Queila 36’ 2T (INT)
Cartão amarelo: Kemelli (INT)

Ponte Preta: Gabi; Camila, Gi Maia e Leticia (Suzane); Cláudia, Rachel (Brith), Cic e Bruna (Naiane); Lili, Dandara e Carol. Técnico: Fabio Akio Fukumoto.

Internacional: Kemelli; Leidi, Gabi Luizelli, Ari e Belinha; Juliana, Djeni (Nana) e Mariana Pires (Julia); Shasha (Luana Spindler), Queila e Jheniffer. Técnico: Maurício Salgado.

Segunda-feira, 17/2
Vila Belmiro - Santos (SP) - 19h
Santos 2 x 0 Cruzeiro
Jajá (contra) 24' 1T
Brena 20' 2T

Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Santos FC
As Sereias da Vila contaram com o apoio de 7.700 torcedores na Vila Belmiro, na noite de segunda-feira (17), para vencer o Cruzeiro por 2 a 0 pela 3ª rodada do Brasileirão Feminino A1. Os gols do Santos foram anotados por Jajá (contra) e Brena.

Com o resultado, a equipe comandada por Guilherme Giudice chegou aos nove pontos, manteve o 100% e lidera o torneio nacional pelo saldo de gols. Na próxima rodada, o Peixe visita o Grêmio no dia 1° de março (domingo), às 14h, no estádio Francisco Noveletto Neto (Passo D'Areia), em Porto Alegre. já que o Vieirão, em Gravataí, passa por reformas.

Já as Cabulosas se mantém com seis pontos conquistados, com vitórias em três jogos, ocupando a sétima posição na tábua de classificação. O próximo adversário do Cruzeiro é p Palmeiras, no dia 29 de fevereiro, às 17h, no estádio das Alterosas, no Sesc Venda Nova, em Belo Horizonte.

Arbitragem: Adeli Mara Monteiro (SP), auxiliada por Leandra Aires Cossette (SP) e Liliane Aparecida Galindo (SP).
Cartões amarelos: Thaisinha (SFC); Capelinha, Duda (CRU)
Público: 7.700 torcedores

Santos: Michelle; Giovanna, Tayla, Fê Palermo e Day Silva; Gaby Soares (Erikinha), Brena, Rita Bove (Larissa) e Thaisinha; Ketlen (Amanda Gutierres) e Cristiane. Técnico: Guilherme Giudice.

Cruzeiro: Mary Camilo; Janaína, Mayara Souza, Jajá e Eskerdinha; Capelinha (Godoi), Duda, Vanesinha e Miriã; Kim (Dedê) e Micaelly. Técnico: Jorge Victor.

Segunda-feira, 17/2
Parque São Jorge - São Paulo (SP) - 20h
Corinthians 3 x 0 Audax
Giovanna Crivelari 3´ 1T
Victoria Albuquerque 2´ 2T
Maiara 30´ 2T

Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians
O Corinthians venceu o terceiro jogo seguido no Campeonato Brasileiro Feminino A1. Na noite desta segunda-feira (17), o Timão bateu o Audax por 3 a 0, no Parque São Jorge, em São Paulo, com gols de Giovanna Crivelari, Victoria Albuquerque e Maiara. Com mais esse triunfo, as corinthianas ampliam a sua sequência de invencibilidade para 48 jogos. 

Com nove pontos em três jogos disputados, o Timão, treinado pelo técnico Arthur Elias, segue 100% na competição. Com o resultado, o Corinthians divide a liderança com Santos e Ferroviária. Os três times têm nove pontos, mas as Sereias da Vila são as primeiras colocadas pelo saldo de gols. O próximo compromisso alvinegro será no dia 29 de fevereiro, às 17h (de Brasília), contra o São Paulo, no Estádio Marcelo Portugal Gouveia, em Cotia.

Já o Audax ainda não somou pontos, perdeu para a Ferroviária, por 4 a 0, para o Grêmio, por 3 a 0, e agora para o Corinthians, por 3 a 0. A equipe de Osasco está na 14ª colocação na tabela de classificação do Brasileiro. Na 4ª rodada, recebe o Iranduba, no estádio José Liberatti, no domingo (1º de março), às 15h.

Arbitragem: Rafael Gomes Felix da Silva (SP), auxiliado por Amanda Pinto Matias (SP) e Vitor Carmona Metestaine (SP).

Corinthians: Tainá Borges; Katiuscia, Mimi, Erika e Tamires; Grazi, Gabi Zanotti, Giovanna Crivelari (Maiara), Cacau (Ingryd), Adriana (Poliana) e Victoria Albuquerque. Técnico: Arthur Elias.

Audax: Michelle; Marly (Tamires), Joice, Mayara e Joyce; Alessandra Freitas, Gabriela, Vitória, Alessandra Brito, Erica (Nathalia) e Ana (Giovanna). Técnico: Wagner Oliveira.


Campeonato Gaúcho 2020 - Taça Cel. Ewaldo Poeta - 1° turno - Semifinal

Rafael Passos


Sábado, 15/2
Estádio Beira-Rio - Porto Alegre - 16h30
Internacional 0 x 1 Grêmio
Diego Souza 46´ 2T

Diego Souza subiu mais alto que os marcadores e fez o gol de cabeça (Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

 Inter foi superado pelo Grêmio e agora foca na Libertadores (Foto: Ricardo Duarte/Internacional)
O Grêmio é o primeiro finalista da Taça Coronel Ewaldo Poeta (o primeiro turno do Gauchão). Nesta sábado (15), o Tricolor venceu Internacional por 1 a 0 no Beira-Rio, em Porto Alegre, no jogo único da semifinal. Diego Souza, de cabeça, aos 46 minutos do segundo tempo, marcou o único gol do Grenal 423. Agora, o time treinado por Renato Portaluppi espera o vencedor de Caxias e Ypiranga que se enfrentam neste domingo, às 16h, no Centenário, em Caxias do Sul.

Classificado para a decisão do primeiro turno do Estadual, o Grêmio terá a semana cheia para se preparar para o duelo contra  Caxias ou Ypiranga. Já o Inter focar na 3ª fase da Copa Libertadores. Na próxima quarta-feira (19), o Colorado encara o Tolima, às 21h30 (de Brasília) na Colômbia, pelo jogo de ida da terceira fase. Pela competição continental, o Tricolor estreia  apenas no dia 3 de março, contra o América de Cali, na Colômbia.

Internacional 0 x 1 Grêmio
Ficha Técnica
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS). 
Arbitragem: Jean Pierre Gonçalves Lima, auxiliado por Lúcio Beiersdorf Flor e Leirson Peng Martins. 4º árbitro: Jonathan Benkenstein Pinheiro. VAR: Carlos Nunes Braga (VAR), Graziani Rocha (AVAR 1) e Diogo Silva (AVAR 2) (todos do Rio de Janeiro).
Gol: Diego Souza 46´ 2T
Cartões amarelos: Musto, Guerrero e Ariel Broggi (auxiliar-técnico) (INT); Maicon, Diego Souza, Lucas Silva e Matheus Henrique (GRÊ).
Cartão vermelho: Musto (INT).
Público: 37.157 pagantes (33.347 presentes)/Renda: R$ 1.369.495,00.

Internacional: Marcelo Lomba; Rodinei (Thiago Galhardo), Bruno Fuchs, Victor Cuesta e Moisés; Musto; Edenilson, Rodrigo Lindoso (Zé Gabriel) e Boschilia (Marcos Guilherme); D'Alessandro e Guerrero. Técnico: Eduardo Coudet.

Grêmio: Vanderlei; Victor Ferraz, Paulo Miranda, David Braz e Cortez (Caio Henrique); Lucas Silva (Pepê), Maicon (Thiago Neves) e Matheus Henrique; Everton, Alisson e Diego Souza. Técnico: Renato Portaluppi.

Domingo, 16/2
Estádio Centenário - Caxias do Sul - 16h
Caxias 1 x 0 Ypiranga
Da Silva 46´ 2T

Caxias venceu o Ypiranga e está na finali do primeiro turno do Gauchão (Foto: Luiz Erbes/S.E.R. Caxias)
Caxias 1 x 0 Ypiranga
Ficha Técnica
Local: Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS).
Arbitragem: Lucas Guimarães Rechatiko Horn, auxiliado por Maurício Coelho Silva Penna e André da Silva Bitencourt. Quarto árbitro: Éder Davi Zanella,
Gol: Da Silva 46´ 2T
Cartões amarelos: Ivan, Da Silva (CAX); Schwarzer, Ávila. Deivity (YPI).

Caxias: Marcelo Pitol; Ivan, Laercio, Thiago Sales e Bruno Ré; Juliano, Carlos Alberto (Yuri); Vinícius Baiano (Tilica), Diogo Oliveira e Juninho Potiguar; Gilmar (Da Silva, 27/2º). Técnico: Rafael Lacerda.

Ypiranga:  Deivity; Muriel, Saimon, Léo Kanu e Ávila; Schwarzer (Tárik), Clayton, Zotti (Anderson Feijão); Jean Silva, Leilson e Neto Pessoa (Cristiano). Técnico: Paulo Henrique Marques.

Caxias vence Ypiranga no final e encara o Grêmio na final do primeiro turno do Gauchão

O Caxias é finalista do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. Neste domingo (16), no Estádio Centenário, em Caxias do Sul, o time treinado pelo técnico Lacerda fez 1 a 0 no Ypiranga e confirmou classificação para enfrentar o Grêmio na decisão. Com o jogo decidido no tempo normal, a disputa pela taça Ewaldo Poeta será na Serra, no próximo sábado, em horário a ser definido. 

Caxias e Ypiranga lutaram, mas o empate persistiu até os minutos finais. Logo aos nove, o Caxias em cobrança de falta do lateral-direito Ivan, que parou no goleiro Deivity. Aos 11, o Ypiranga respondeu com Henrique Ávila, mas Pitol defendeu. No final do primeiro tempo, Leilson arriscou chute de muito longe e quase surpreendeu. A bola ganhou força e saiu pela linha de fundo. 

O Ypiranga chegou a abrir o marcador na volta do vestiário, mas o lance foi corretamente anulado pela arbitragem. Após chute de Jean Silva de fora da área, a bola desviou em Neto, que estava em condição irregular, e morreu no fundo da rede. O time da Erechim chegou a comemorar, mas a jogada foi parada pelo bandeira. 

Quando tudo se encaminhava para os pênaltis, resultado que levaria a decisão do turno para a Arena independentemente do vencedor, a estrela do centroavante brilhou. O cronômetro já marcava 46 minutos do segundo tempo quando Ivan bateu escanteio pelo lado esquerdo e encontrou a cabeça de Da Silva. O jogador emprestado pelo Grêmio pulou mais alto do que Cristiano e garantiu o Caxias na final: 1 a 0.  


quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

Grêmio vence o Audax e segue 100% no Brasileirão feminino A1

Rafael Passos

Gurias Gremistas chegaram a seis pontos no Brasileiro feminino (Foto: Jéssica Maldonado / Grêmio FBPA)
Com gols de Marta e Eudimilla, as Gurias Tricolores venceram o Audax fora de casa

As Gurias Gremistas venceram o Audax por 3 a 0 na noite desta quinta-feira (13), no estádio Municipal Prefeito José Liberatti, em Osasco, pela 2ª rodada do Campeonato Brasileiro Feminino A1.  Os gols tricolores foram marcados por Marta, duas vezes, e por Eudimilla.

Com a segunda vitória consecutiva na competição, o Grêmio chegou a seis pontos na tabela de classificação e segue com 100% de aproveitamento. A equipe gaúcha divide a liderança do Brasileirão com Santos, Ferroviária, Cruzeiro e Corinthians e pelos critérios de desempate ocupa a terceira posição.

No próximo domingo (16), às 15h, o Grêmio enfrenta o Avaí/Kindermann, em Caçador, Santa Catarina.

Para o confronto em Osasco, a técnica Patrícia Gusmão contou com os retornos da atacante Karina, que retornou após cumprir suspensão pela expulsão na semifinal do Brasileiro A2, diante do Cruzeiro no ano passado. Além da camisa 10, Marta, Mariza e Gisseli Mariano voltaram a ficar à disposição, após defenderem a Seleção Brasileira Sub-20 na Liga Sul-Americana.

Depois da vitória contra o Minas Icesp na primeira rodada por 2 a 1, as gremistas duelaram com o Audax, que havia perdido a primeira partida para a Ferroviária por 4 a 0. O jogo começou a ser decidido logo no começo da segunda etapa. Aos quatro minutos, Kika lançou Juliana Oliveira pelo lado esquerdo. A camisa 9 cruzou rasteiro para Marta, que apenas empurrou para o fundo das redes. 1 a 0.

Aos 17 minutos, a atacante convocada para a Seleção deixou a sua marca mais uma vez. Novamente Kika iniciou a jogada, que passou por Jane Tavares e chegou para Marta no lado direito da área. A jogadora de 19 anos, natural de Caxias, no Maranhão, foi à linha de fundo, driblou a zagueira e finalizou para marcar seu segundo gol na partida. Grêmio 2 a 0.

E ainda teve tempo para mais um tento das Gurias Gremistas. Aos 39, Jane Tavares foi derrubada pela goleira Bruna na área e o árbitro marcou pênalti. Eudimilla bateu e aumentou a vantagem gremista, dando números finais a partida. 3 a 0.

Selfie da vitória das Gurias Gremistas no vestiário em Osasco (Foto: Instagram.com/gremio)
Audax 3 x 0 Grêmio
Ficha Técnica
Local: Estádio Municipal Prefeito José Liberatti, em Osasco (SP)
Arbitragem: Adriano de Assis Miranda (SP), auxiliado por Leandra Aires Cossette (SP) e Marcela de Almeida Silva (SP). Quarto árbitro: Fernanda S. Ignacio de Souza (SP).
Gols: Marta 4′ 2T e 17′ 2T, Eudimilla 39′ 2T
Cartões amarelos: Joice, Marly, Bruna, Nathalia, Joyce (AUD)

Audax: Bruna; Marly (Tamires), Joice, Mayara e Joyce; Alessandra, Gabriela (Stephanny), Vitória, Viviana (Nathalia), Ana e Giovanna. Técnico: Wagner Oliveira.

Grêmio: Raíssa; Isa, Andressa Pereira, Ana Alice e Rebeca Prado; Kika, Sinara (Mariza), Pri Back (Marta) e Jane Tavares; Karina (Eudimilla) e Juliana Oliveira. Técnica: Patrícia Gusmão.

Inter fica no empate com o São Paulo pelo Brasileirão feminino

Rafael Passos

Byanca Brasil, de pênalti, marcou os dois gols no empate com o São Paulo (Foto: Mariana Capra/Internacional)
As Gurias Coloradas largaram atrás no marcador, mas buscaram o empate em Cotia

São Paulo e Internacional empataram em 2 a 2 na noite desta quinta-feira (13), no estádio Marcelo Portugal Gouvêia, em Cotia (SP), pela 2ª rodada do Brasileirão feminino A1. As tricolores abriram 2 a 0 no placar, com Duda e Dani, mas as Gurias Coloradas buscaram a igualdade, com dois gols de Byanca Brasil, cobrando pênalti.

Após vencer o São José (SP), na rodada inaugural, e empatar com o São Paulo, as Coloradas foram a quatro pontos e ocupam a sexta colocação. Na terceira partida pelo certame nacional, o Inter novamente jogará fora de casa. No domingo (16), o adversário será a Ponte Preta, às 20h, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas. As são-paulinas têm apenas um ponto em dois compromissos já que perderam para o Cruzeiro por 1 a 0 na abertura do torneio. As atuais campeãs da Série A2 estão na 11ª colocação e no mesmo dia vão ao Giulite Coutinho, em Mesquita (RJ), para enfrentar o Flamengo, às 14h.

As mandantes abriram o placar logo aos oito minutos depois que Duda dividiu com a goleira colorada Kemelli na entrada da grande área, levou a melhor e chutou com o gol vazio para fazer 1 a 0 para o São Paulo. Aos 29, as Soberanas ampliaram com Dani após cruzamento de Giovana. O passe era para Jaqueline, mas a atacante furou em bola e se ofereceu para Dani marcar 2 a 0.

Ainda do primeiro tempo, as Gurias Coloradas iniciaram as sua reação. Aos 45 minutos, Shasha foi derrubada por Gislaine na área e o árbitro marcou pênalti. A goleadora Byanca Brasil desloca a goleira Carla e descontou o marcador.

Na etapa final, as coloradas buscaram o empate aos 35 minutos. Na jogada de duas atletas que entraram no segundo tempo, a meio-campista Julia deu passe passe para Queila, que saiu cara a cara com a goleira paulista e a driblou, porém, a camisa 19  levou um carrinho de Carla. Penalidade máxima marcada. A Camisa 9 Byanca Brasil bateu com categoria, deixou tudo igual em Cotia e marcou o seu terceiro gol no Campeonato Brasileiro.

Nos instantes finais, o Inter quase virou, mas a bola parou no travessão paulistano por duas vezes. Djeni acertou a barra superior, aos 37, e Shasha carimbou o poste quatro minutos depois. Apesar do aguerrimento colorado, o escore ficou mesmo no 2 a 2.

As Gurias Coloradas foram a quatro pontos e ocupam a sexta colocação no Brasileirão Feminino A1
(Foto: Mariana Capra/Internacional)
São Paulo 2 x 2 Internacional
Ficha Técnica
Local: Estádio Marcelo Portugal Gouvêia, em Cotia (SP).
Arbitragem: Thiago Luis Scarascati (SP), auxiliado por Amanda Pinto Matias (SP) e Veridiana Contiliani Bisco (SP). Quarto árbitro: Adeli Mara Monteiro (SP).
Gols: Duda 8′ 1T e Dani 29′ 1T (SP). Byanca Brasil 45′ 1T e 35′ 2T.
Cartões amarelos: Duda, Yaya e Bruna (SP); Djeni (INT).

São Paulo: Carla; Bruna (Roberta), Gislaine, Thaís Regina e Giovana (Mylla); Ana Cris, Yaya, Dani e Duda; Jaqueline e Glaucia (Kamilla). Técnico: Lucas Piccinato.

Internacional: Kemelli; Nana, Bruna Benites (Ari), Sorriso e Carol Gomes; Juliana, Djeni e Mariana Pires (Queila); Shasha, Jheniffer (Julia) e Byanca Brasil. Técnico: Maurício Salgado.