sexta-feira, 20 de julho de 2018

Segunda Divisão (Terceirona) - 2018 - Semifinais - Jogos de ida

Rafael Passos

Quinta-feira, 12/7/2018
Nicolau Fico - 15h
Farroupilha 0 x 0 Guarany

Foto: Jo Folha/Diário Popular
Farroupilha e Guarany não saem do zero na ida da semifinal da Terceirona

Na partida de ida das semifinais da Terceirona, Farroupilha e Guarany não mexeram no placar, nesta quinta-feira (12), no Estádio Nicolau Fico, em Pelotas. Porém, o Fantasma poderia ter conseguido a vitória se não fosse o goleiro alvirrubro Anderson e a trave, que parou o time da casa no último minuto do segundo tempo.

O confronto de volta está agendado para o domingo (15), às 15h no Estrela D'Alva, em Bagé. Com o empate sem gols em Pelotas, quem vencer fica com a vaga na final e a classificação à Divisão de Acesso. O Tricolor do Fragata avança caso haja empate com gols, e um novo 0 a 0 levará a decisão para os pênaltis.

A outra semifinal foi parar no TJD. Acolhendo denúncia do Rio Grande, o tribunal irá analisar suposta irregularidade na inscrição do jogador Tauan. Ele teria atuado os dois jogos das quartas de final com seu contrato já encerrado e com isso estaria irregular. A denúncia se baseia que no regulamento um atleta atue com contrato amador até os 21 ano, porém Tauan teria completado esta idade e não houve novo contrato, já como profissional. O jogo de ontem foi cancelado e o caso deve ir à julgamento. O Gaúcho chegou invicto às semifinais e venceu por 7 a 1 o jogo decisivo com o Rio Grande.

Jogando em casa, o Farroupilha nao queria desampontar a sua torcida. A primeira chance foi criada aos nove minutos da etapa inicial. Após bate-rebate, Índio cabeceou livre na pequena área, mas errou o alvo. Aos 20, eoutram outra jogada aérea, Carlos Gato desviou o cruzamento de Hugo e a bola passou perto da goleira do Guarany.

No último minuto, o goleiro alvirrubro, Anderson teve que trabalhar duas vezes. Na primeira, Juninho cobrou falta. a bola tocou na barreira e sobrou para Gato. O atacante finalizou cruzado e o goleiro defendeu, no rebote Hugo cabeceou e Anderson fez um milagre.

No segundo tempo, o confronto perdeu intensidade e qualidade, com muita marcação, faltas e erros de passes. Mais nenhuma chance real de gol foi criada e os arqueiros não trabalharam. Já nos acréscimos, aos 49 minutos, o Farrapo teve uma chance clara e manifesta de sair com a vitória e levar a vantagem para Bagé. O centrovante Daniel Quevedo ajeitou para Carlos Gato na área. O atacante bateu cruzado e a bola parou na trave de Anderson.

Farroupilha 0 x 0 Guarany
Ficha Técnica
Local: Estádio Nicolau Fico, em Pelotas
Arbitragem: Jonathan Pinheiro, auxiliado por José Eduardo Calza e Tiago Augusto Kappes Diel
Cartões amarelos: Wendell, Valdeir (G)

Farroupilha; Jéferson; Roger (Marcelinho), Índio, Caio e Ihur; Felipe (Hippólito), Oscar, Juninho  (Lian) e Hugo; Carlos Gato e Daniel Quevedo. Técnico: Antônio Freitas

Guarany: Anderson; Ledesma, Wendell, Lucas Stoffel e Kevin; Valdeir, David, Caio e Robinho (Andrei); Gustavo (Diego Borges) e Paulão (Rodrigo Cachopa). Técnico: Badico.

Domingo, 22/7/2018
Arthur Lawson - 15h
Rio Grande 0 x 0 São Borja





Fotos: Rodrigo Santos
Rio Grande e São Borja ficam no empate na semifinal da Terceirona

No jogo de ida da semifinal da Terceirona, Rio Grande e São Borja ficaram no 0 a 0, neste domingo (22), Estádio Arthur Lawson, em Rio Grande. Assim, a vaga na final e na Divisão de Acesso fica aberta para o jogo no próximo domingo, dia 29, às 15h, no Estádio Vicente Goulart, em São Borja.

Novo empate leva à decisão por pênaltis e qualquer igualdade com gols classifica o São Borja. Aos rio-grandinos, só resta a vitória.

Quem passar do confronto entre Rio Grande e São Borja garante a classificação para a Divisão de Acesso em 2019. Além disso, encara o Farroupilha na decisão da Terceirona. O time pelotense passou pelo Guarany na outra semifinal.

O Rio Grande se garantiu nas semifinais ao reverter na Justiça Desportiva o 7 a 1 sofrido para o Gaúcho nas quartas de final. O time de Passo Fundo escalou de forma irregular o jogador Tauan, que estava sem contrato desde o dia 13 de junho.

Rio Grande 0 x 0 São Borja
Ficha Técnica
Locsl: Estádio Arthur Lawson, em Rio Grande
Arbitragem: Daniel Bins, auxiliado por Mateus Olivério Rocha e Maíra Mastella Moreira
Cartões amarelos: Espeto, Breno, Jô (RG); Peres, Erick (SB)

Rio Grande: Cristiano; Espeto (João Pedro), Ju (Du), Léo e Breno; Bruno Domingues, Bruno Teixeira, Mateus, Toddy, Jô (Higor) e Mano García. Técnico: Mário Roberto (Marcelo Moreira estava suspenso).

São Borja: John, Alemão, Diego (Tainan), Matheus e Filipinho; Carioca, Gean Carlo (Peres), Erick, Michelzinho, Bruninho (Romário) e Eto’o. Técnico: Jair Galvão.

Artilharia

Real Sport Club
Diego Arismendi - 4 gols
Gabriel Oliveira - 2 gols
Geninho - 2 gols
Igor Souza - 2 gols
Rafael Carioca - 1 gol
Pato - 1 gol
Daniel Baloy - 1 gol
Marquinhos - 1 gol
Samuel - 1 gol

Guarany
Paulão - 5 gols
Vitor - 3 gols
Andrei - 2 gols
Ledesma - 2 gols
Diego Borges - 2 gols
Robinho - 2 gols
Wendel - 1 gol
Valdeir - 1 gol
Gustavo Almeida - 1 gol
Lucas - 1 gol
Rômulo - 1 gol

Gaúcho
Matheus Paulista - 9 gols
Rafinha - 2 gols
Henrique - 2 gols
Dudu - 2 gols
Felipe Borowski - 1 gol
Léo - 1 gol
Adílson - 1 gol
Júlio César - 1 gol
Tauan - 1 gol
Marcelo -  1 gol

São Borja
Eto´o - 2 gols
Gean - 2 gols
Higor - 2 gols
Diego - 1 gol
Taynã - 1 gol
Guanambi - 1 gol
Michelzinho - 1 gol

Nova Prata
Itamar - 3 gols
Thomas - 2 gols
Wini - 1 gol
Perea - 1 gol
Deni - 1 gol

Farroupilha
Daniel Quevedo - 11 gols
Carlos Gato - 4 gols
Oscar - 2 gols
Liam - 1 gol
Raphinha - 1 gol
Juninho Adam - 1 gol
Juninho Silveira - 1 gol
Leandro (contra/Rio Grande) - 1 gol

Elite
Dimitry - 8 gols
Wendryl - 2 gols
Carlos - 2 gols
Alex Goiano - 1 gol

Rio Grande
Mano Garcia - 4 gols
Mateus - 2 gols
Bruno Teixeira - 1 gol
João Pedro - 1 gol
Espeto - 1 gol
Cristiano - 1 gol

Santo Ângelo
Chapecó - 2 gols
Taison - 1 gol
Murilo Aozani - 1 gol

Cruz Alta
Cristiano - 2 gols
Rodriguinho - 2 gols
Vinicius Malheiros - 1 gol
Mateus Souza - 1 gol
Vitor - 1 gol
Rafael - 1 gol

Novo Horizonte 
Valdívia - 4 gols
Heron - 2 gols
Marcinho - 2 gols
Wagson - 1 gol
Luizinho - 1 gol
Dener - 1 gol